FHC diz lamentar que Lula tenha levado campanha a níveis 'tão baixos'.

17/06/2014 13:19
 
 
 
 
GNews - Fernando Henrique Cardoso, FHC (Foto: globonews)O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso critica
Lula em rede social.

Em um novo episódio da recente troca de farpas pública entre petistas e tucanos, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse nesta segunda-feira (16), por meio de uma rede social, lamentar que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tenha vestido a "carapuça" e tenha baixado o nível da disputa presidencial.

Neste domingo (15), durante convenção que oficializou o ex-ministro Alexandre Padilha como candidato ao governo de São Paulo,Lula ironizou declarações feitas na véspera por Fernando Henrique. Segundo o petista, seu antecessor no Palácio do Planalto deveria dizer quem "estabeleceu a maior promiscuidade entre Executivo e Congresso Nacional quando começou a comprar votos para ser aprovada a reeleição em 1996".

"Lamento que o ex-presidente Lula tenha levado a campanha eleitoral para níveis tão baixos. Na convenção do PSDB não acusei ninguém; disse que queria ver os corruptos longe de nós. Não era preciso vestir a carapuça. A acusação de compra de votos na emenda da reeleição não se sustenta: ninguém teve a coragem de levar essa falsidade à Justiça", escreveu Fernando Henrique em sua conta pessoal no Facebook.

Lamento que o ex-presidente Lula tenha levado a campanha eleitoral para níveis tão baixos. Na convenção do PSDB não acusei ninguém; disse que queria ver os corruptos longe de nós. Não era preciso vestir a carapuça"
Fernando Henrique Cardoso, ex-presidente da República

O PSDB oficializou no sábado (14), emconvenção nacional, a candidatura do senador Aécio Neves (MG) à Presidência da República. Na ocasião, Aécio afirmou que um "tsunami vai varrer do governo federal aqueles que lá não têm se mostrado dignos e capazes de atender às demandas da população brasileira".

Durante o evento partidário deste domingo, Lula afirmou que o PT deverá, neste ano, fazer uma "campanha da esperança contra o ódio". Ele também previu que a disputa eleitoral deverá ter "uma boa dosagem de debate ideológico".

Ainda ontem [sábado], na convenção deles, vi o ex-presidente [FHC] falar com a maior desfaçatez 'é preciso acabar com a corrupção'. Ele devia dizer quem é que estabeleceu a maior promiscuidade entre Executivo e Congresso Nacional quando ele começou a comprar voto para ser aprovada a reeleição em 1996"
Luiz Inácio Lula da Silva, ex-presidente da República

Depois, sem citar o nome, fez uma referência ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. "Ainda ontem [sábado], na convenção deles, vi o ex-presidente falar com a maior desfaçatez 'é preciso acabar com a corrupção'. Ele [FHC] devia dizer quem é que estabeleceu a maior promiscuidade entre Executivo e Congresso Nacional quando ele começou a comprar votos para ser aprovada a reeleição em 1996", declarou.

Diante de uma plateia de petistas, o ex-presidente da República ressaltou ainda que o sentimento negativo em relação ao PT vem da "elite conservadora", segundo ele, incomodada com a ascensão social.

Em boa parte de seu discurso, Lula criticou os governos do PSDB e rebateu declarações dos adversários realizadas na convenção que oficializou a candidatura de Aécio ao Planalto.

"Agora, ontem o candidato dizia 'Vai ter um tsunami que vai varrer o PT do Brasil'. Ora, por que que eles não colocam o tsunami para trazer água de volta para o Sistema Cantareira, que seria muito mais fácil, que estaria ao alcance deles?", afirmou, em referência à crise no abastecimento de água na capital paulista.


"Apelo às lideranças responsáveis, do governo e da oposição, para que a campanha eleitoral se concentre na discussão dos problemas do povo e nos rumos do Brasil", disse o tucano.

Dois dias após criticar o governo Dilma Rousseff e argumentar que "as vozes das ruas querem mudança", Fernando Henrique fez um apelo nesta segunda, no Facebook, para que as lideranças políticas do país se concentrem em uma pauta propositiva na campanha eleitoral.

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso critica no Facebook declarações de Lula que o acusaram de ter comprado votos no Congresso Nacional para aprovar a emenda da reeleição (Foto: Reprodução)O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso critica no Facebook declarações de Lula que o acusaram de ter comprado votos no Congresso Nacional para aprovar a emenda da reeleição.