Botafogo precisa bater o Avaí nesta quarta para não ter vaga no G-7 em risco

18/10/2017 15:01

Florianópolis - A ausência de Jair Ventura na beira do gramado da Ressacada no confronto com o Avaí, nesta quarta-feira, às 21h45, não diminuirá o tom de cobrança após a má impressão deixada na derrota para o Vasco. Suspenso, o técnico terá o auxiliar Emílio Faro como substituto, porém, deixou claro na coletiva antes do embarque para Florianópolis que o Botafogo precisa mudar a sua atitude para não colocar em risco o lugar na zona de classificação à Libertadores da América.

Com lesão no pé direito, Leo Valencia desfalca o Botafogo. Recuperado de uma amigdalite, Jefferson volta a ser opçãoVitor Silva / SS Press

"A gente empata pouco. Não dá para ficar com um ponto. É muito melhor correr riscos do que empatar. O jogo contra o Bahia foi superaberto. É estratégia, a gente briga pelos três pontos mesmo jogando fora. Gosto de buscar a vitória", disse Jair.

"Quando você joga mal e perde, tem muita coisa para corrigir. Estamos no caminho certo. Somos vice-líderes no returno. Claro que ficamos tristes. A derrota tem que machucar mesmo. Agora temos mais uma grande batalha", avaliou o treinador.Na prática, o Botafogo teve dificuldade para chegar ao ataque diante do Vasco. Apagados, Pimpão e Brenner devem ganhar uma nova chance contra o Avaí. Embora tenha prometido se arriscar, Jair Ventura não garantiu a escalação de Marcos Vinícius, que disputa a posição com Matheus Fernandes. Em 'dívida' por causa da exibição no clássico, o treinador quer desfazer a desconfiança do torcedor alvinegro.

Suspenso, Carli será um desfalque de peso. Marcelo é o favorito para assumir a vaga do capitão, mas Emerson Silva corre por fora para jogar ao lado de Igor Rabello. Independentemente da escalação, a pressão será grande. Com o lugar no G-7 ameaçado, o Glorioso precisa voltar a pontuar para não colocar em risco o projeto Libertadores.