ONDE BUSCAR O VOTO? UMA CAMINHADA DE SEIS PASSOS!

21/01/2016 12:10

    Por onde devo começar minha campanha eleitoral?

 

    Esta é sem dúvida a primeira questão a ser respondida se você é candidato nas próximas eleições. Primeiro passo procure dentro de si com muita humildade quais são suas limitações, sejam elas financeiras operacionais ou logísticas, lembre-se estamos falando de uma eleição estadual.

 

    Já reconheceu suas limitações? Primeiro passo foi dado, você acaba de reconhecer que não conseguirá  sozinho, a vaidade é o maior vilão de qualquer projeto político, apesar de você ser o candidato, entenda que você acaba de deixar de ser uma pessoa física e passou a ser um projeto de vida para um sem número de pessoas que você precisa aglutinar.

 

    Construção de imagem positiva, este é o segundo passo, todo o grupo deve entender e se identificar com esta imagem, dica,  comece sorrindo demonstre sempre alegria e confiança, mais uma coisa procure construir esta imagem dentro de uma realidade a qual você se sinta bem e reflita como o seu eleitor gostaria de enxergar o seu projeto.

 

    Terceiro passo, foco, informação, se você já tem mandato, valorize, identifique os agentes que te colocaram no poder, faça pesquisas, lembre-se, trata-se de uma busca de quem já gosta ou pode vir a gostar de você , do seu projeto, é mais fácil trabalhar o voto da simpatia do que tentar convencer a rejeição, se tua candidatura é proporcional te basta 1% de aprovação e você estará eleito.

 

    Quarto passo, comunicação eficaz, se você executou os três passos anteriores, você já tem o que vender, o problema passa a ser como vender. Suas limitações financeiras, a capacitação de sua equipe e o teu foco de voto, isto é, o eleitorado que você busca atingir, serão os definidores de quais ferramentas deverão ser utilizadas na busca do resultado. Hoje você conta com campanhas de email, de sms, telemarketing, mídias sociais, estas  são um mecanismo de apoio, considero que o treinamento de sua equipe será determinante no sucesso de seu projeto. Uma assessoria especializada seria bastante interessante.

 

    Quinto passo, aprendizado, união, integração da equipe, você tem que construir uma imagem de aliança, círculo, nunca piramidal, onde as pessoas servem de base para um beneficiário que nunca será ela própria. Momento de formar parcerias pautadas em sonhos que se completem e nunca se anulem. Agregue pessoas que estejam buscando algo, dica, cuidado com as tais “lideranças” que te vendem a expectativa de votos que na maioria das vezes não possuem. Comece a organizar um banco de dados com muitas informações que baseiem suas decisões e sejam capazes de fomentar um relacionamento agradável com seus simpatizantes, lembre-se, primeiro você precisa ganhar a simpatia depois pedir o voto. Para formar um banco de dados eficaz, mais uma vez seria interessante a contratação de uma assessoria profissional.

 

    Sexto e último passo, o detalhe. Como todo grande clássico você ganha ou perde no detalhe, neste caso, o que é o detalhe? Muita transpiração, com pitadas de inspiração, colhidas dentro do seu coração, com verdade capaz de convencer através do brilho do teu olhar, na firmeza de tua voz, mas nunca se esqueça, tudo isso só funciona se envolvidos com muitas gotas do teu suor.

 

Osmar Bria é colunista do Jornal Folha do Rio.