Eduardo Machado acusado de plágio

08/12/2017 22:17

Encurralado por denúncias Eduardo Machado do PHS comete mais um crime ao tentar se defender.

 

 

Acossado por denúncias e investigado pela Polícia Federal, Ministério Público e TSE, o enrolado presidente nacional do Partido Humanista da Solidariedade, Eduardo Machado, que foi duas vezes afastado pela Justiça do comando nacional da legenda, e tem sua situação legal questionada por companheiros de partido passou uma semana difícil.

Na última quinta-feira a 22a Vara da Justiça de Brasília, determinou o retorno de vários dirigentes ao comando nacional da legenda, que haviam sido afastados arbitrariamente por Eduardo Machado.

Na sequência Machado usou as redes sociais para se defender, postando um pensamento que fala em perdão e sobre a lei do retorno, porém ele se esqueceu de dizer a verdade.

Eduardo Machado plagiou todo o pensamento de um site da internet.

 

 

Quem o conhece sabe que ele não tem capacidade intelectual ou formação acadêmica para fazer um texto daquela magnitude.

O pensamento do “presidente” rapidamente virou piada nas rodas políticas de Goiânia, capital de Goiás onde o político investigado se recolheu. 

Parece que a Lei do Retorno já está acontecendo na vida do Eduardo Machado, mas ele não está percebendo.

Veja os links da publicação original e do plágio:

 

 https://m.facebook.com/profile.php?id=1322213454

 https://www.pensador.com/frase/MjA5MDkzNA/

 

 

Jornal Folha do Rio